quinta-feira, novembro 18, 2004

Vila do Conde e Póvoa de Varzim aderem à marcha lenta contra portagens no IC1

A Comissão de Utentes do IC1 de Vila do Conde e Póvoa de Varzim, hoje criada, vai aderir à marcha lenta marcada para dia 27 na Estrada Nacional 13 contra a introdução de portagens no itinerarário, disse à Lusa o porta-voz da organização.

Camilo Gomes revelou que os 15 membros fundadores da comissão de utentes e todos os outros que, entretanto, aderirem ao protesto vão percorrer a EN13 entre Viana do Castelo e o limite Sul do IC1, já rebaptizado A28, em protesto contra a decisão do Governo de cobrar portagens nesta via.




3 Comentários:

Blogger Bruno disse...

Hmm, n me parece que vá valer de mt empatar o trânsito durante umas horitas, n é o tipo de meio de reinvidicação que acho apropriado, seja para o que for; mas louvo a iniciativa.
Não sou um utilizador assim tão frequente da IC1, mas acabo por usá-la praticamente todas semanas pelo menos uma vez. Em todo o caso, não me parece justa esta introdução de portagens, sobretudo para as gentes da Póvoa, Vila e arredores, já que sairão bastante prejudicados pelo aumento.
Por outro lado, não estaremos nós a fugir com o rabo à seringa? Quero dizer, se calhar estamos mas é mal-habituados, já que abaixo de Gaia tb se paga (n me engano pois n...?), e a via só termina em Viana, portanto fará algum sentido pagar tb neste troço, apesar de tds sabermos que no fundo no fundo o que eles querem é mamar-nos o dinheirinho de uma maneira ou doutra...
Depois desta curta e "divagatória" reflexão, creio mesmo é que vou dormir um bocado, q'esta cabeça já n tá a bater bem...!:)

2:35 da manhã  
Blogger Arba:a disse...

Eu sou de opinião que só se deverá cobrar portagens em estradas que só existem porque alguém (que não o Governo) criou e a quem foi concessionada a dita estrada. Assim, se o Governo faz estradas com o dinheiro dos contribuintes, não faz muito sentido voltar a cobrar a quem utiliza. O País é de todos... Mas enfim, não será uma opinião devidamente sustentada. Quanto ao comentário feito pelo nosso Presidente de Câmara ("Txim txinhora, atxo que os pobeiros concordáo com o Goberno nessa matéria"), creio que pelo menos deveria pedir algo ao Governo em troca do tão célere apoio demonstrado. E porque não reinvindicar o início imediato das obras de recuperação/remodelação do Cine-teatro Garret? Digo eu...........

10:54 da tarde  
Blogger Larose disse...

Quanto às portagens ..... já estão à porta!
E quanto a novas obras, é como diz um amigo meu. Só havendo eleições próximas lá temos uma inauguração!
Será que teremos o famoso jardim da cidade nas próximas?
Rosa Maria

11:21 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home