domingo, setembro 12, 2004

O Regresso



É um filme de Andrei Zviaguintsev e é anunciado como o novo Tarkovski (isto não é importante, mas convém lembrar). O Regresso é um filme seco, duro, um olhar tenso que megulha na amargura da relação entre dois filhos e um pai, um movimento à volta do lodo e das águas que turvam os afectos e a memória. Algumas imagens de tão belas, perturbam. As palavras e os diálogos em língua russa de tão crus soam a gelo puro e é por isso que os momentos iniciais do filme estas personagens rebentam o nosso cinismo a todo o instante. Pela fragilidade contra a cobardia dos fortes, pois há sempre uma mãe que nos afaga a dor quando já ninguém nos consegue amar num lugar tão frágil como o mundo.

0 Comentários:

Enviar um comentário

<< Home